Marketing de conteúdo é a evolução do marketing direto

O marketing de conteúdo é uma estratégia cada vez mais adotada pelas empresas com o objetivo de disseminar conteúdo relevante para atrair, cativar e reter clientes.
Esse processo gera uma relação de confiança que impulsiona vendas e gera credibilidade para sua marca ou produto.

Neste vídeo, produzido para o projeto Canal do Empresário, Rafael Rez, MBA em Marketing pela FGV e diretor da Web Estratégica, explica porque o marketing de conteúdo é considerado a evolução do marketing direto e uma das principais ferramentas do marketing de relacionamento.

O que é marketing direto?

Segundo a ABEMD, marketing direto é a cisciplina de marketing cuja comunicação se utiliza de uma ou mais formas de relacionamento para obter uma resposta ou transação mensurável junto a públicos específicos ou gerar uma ação de relacionamento que produza encantamento junto ao público-alvo.

Esta categoria começou há muito tempo, desde a utilização de catálogos por lojas que aglomeravam diversos produtos em suas publicações e as ofereciam aos clientes para facilitar sua escolha. Tempos depois, com o surgimento do telefone, o marketing direto experimentou uma expansão nas suas ações. Com o suporte logístico dos correios, tanto o telemarketing quanto a venda por catálogo imperaram antes da internet, quando então surgiu o comércio eletrônico.

Todas as variações acima citadas estão debaixo do “guarda-chuva” do marketing direto, um temo que designa, de forma genérica, todas as formas de interação direta com o cliente visando a venda de forma mais rápida.

Dicas para se dar bem no marketing online

e-mailmarketing

Nas últimas semanas, li o livro Zero To One Million, de Ryan P. Allis. Uma das partes que me agradaram foram as 20 dicas para ter sucesso no marketing online. Ei-las:

1. Procure ter um design profissional, de fácil navegação e carregamento rápido da página. Contrate uma empresa de design ou utilize, pelo menos, uma boa template para seu site.
2. Tenha um bom portfólio de conteúdos de qualidade.
3. Estabeleça links para seu website em diversos sites parceiros.
4. Construa credibilidade a partir de uma relação de confiança com o público.
5. Elabore e envie uma  newsletter com conteúdo de qualidade e envie-a pelo menos uma vez ao mês a usuários cadastrados.
6. Se você oferece a venda de produtos, implante um programa de fidelização.
7. Implantando este programa, não deixe de promovê-lo.
8. Faça o que for possível para atrair uma grande quantidade de afiliados e formar alianças estratégicas.
9. Posicione-se com vantagem nos buscadores de busca.

10. Use mecanismos de custo-por-click, mas certifique-se de que conhece o valor de tempo de vida (LTV) de seus clientes e procure verificar, frequentemente, o retorno sobre o investimento (ROI).
11. Ofereça a seus anunciantes tanto a publicidade tradicional quanto a online, mas rastreie seus resultados e sempre faça checagens do ROI.
12. Anuncie usando canais de CPM para construir reconhecimento de marca, mas coloque a  rentabilidade acima do reconhecimento de marca.
13. Comunique-se ao mercado posicionando-se como como um recurso de mídia e um expert em seu nicho.
14. Contrate uma boa agência de publicidade ou monte uma house-agency.
15. Use programas de resposta automática (autoresponders) para manter contato constante com clientes em potencial.
16. Lembre-se que negócios são, basicmaente, relacionamentos e comunicação. Busque sempre construir mais relacionamentos e, uma vez construídos, mantenha permanente contato com clientes atuais e potenciais, alianças estratégicas, fornecedores, investidores e a mídia.
17. Incentive a propaganda boca-a-boca entre os clientes.
18. Ofereça um serviço personalizado superior e mantenha uma equipe para responder os e-mails em até 24 horas.
19. Envie periodicamente e-mails aos seus clientes para avaliar se estão satisfeitos e peça-lhes sua opinião sobre os produtos e serviços de sua empresa.
20. Blogueie freqüentemente com conteúdo de qualidade.